Bruce Springsteen canta em protesto contra Donald Trump, o “vigarista”

0

O lendário astro do rock Bruce Springsteen chamou o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de “vigarista”, ao compartilhar o microfone com o roqueiro Joe Grushecky, em uma nova canção de protesto lançada nesta quarta-feira (19).

Joe Grushecky, roqueiro de Pittsburgh que já trabalhou com Sprinsgsteen, intitulou sua canção “That’s What Makes Us Great”, uma brincadeira com o slogan de campanha de Trump “Make America Great Again”, ou “Fazer a América grande de novo”.

“Don’t you brag to me that you never read a book / I never put my faith in a conman and his crooks” (“Não conte vantagem comigo porque você nunca lê um livro / Nunca confio”, em tradução livre), canta Springsteen em clara referência a Trump.

Springsteen e Grushecky chegaram juntos para fazer um coro e convocar uma mobilização contra Trump.

“It’s up to me and you / Love can conquer hate / I know this to be true / That’s what makes us great” (“Depende de mim e de você / Amor pode vencer o ódio / Sei que isso é verdade / É o que nos faz grandes”), cantaram.

Embora a música não seja de sua autoria, destaca a letra mais claramente política da carreira de Springsteen, junto com “American Skin (41 Shots)”, que fala do assassinato, em 1999, de um imigrante desarmado nas mãos de agentes da Polícia de Nova York.

Fonte: UOL Música

Deixe uma resposta