Economia

Procon autuou oito postos de gasolina por “lucro indevido” em aumentos irregulares nos preços

Fiscalizações em estabelecimentos da capital renderam multas de até R$ 10 milhões

Publicado por: Eric Souza 27/10/2021, 08:41

A Petrobras anunciou na última segunda-feira (25) um novo reajuste no preço da gasolina e do diesel nas refinarias. O primeiro combustível subiu 7% e o segundo, 9,1%. Em Teresina, o preço da gasolina comum chega a R$ 7,29, enquanto a aditivada atinge R$ 7,59.

No entanto, alguns postos da capital estão aumentando o valor dos combustíveis de forma abusiva, conforme apurou o Programa de Proteção ao Consumidor (Procon) em autuações realizadas nesta terça-feira (26). O chefe de fiscalização do órgão, Arimatéa Leão, explicou os procedimentos ao JT1 da Teresina FM.

Gestor do Procon detalha visitas aos estabelecimentos irregulares (Foto: Teresina FM)

“Encontramos oito postos com preços irregulares, que repassaram ao consumidor produtos que ainda não receberam. Trata-se de um lucro indevido e, portanto, foram autuados com multas entre R$ 600,00 e R$ 10 milhões, a depender da gravidade da infração”, afirmou.

Segundo Leão, os proprietários dos estabelecimentos alegam que recorreram ao aumento antecipado devido à necessidade de ter condições para comprar o combustível mais caro. Ressaltou ainda que as empresas possuem um prazo de 15 dias para apresentarem suas defesas.

O representante do Procon informou que as fiscalizações seguem nesta quarta-feira (27), com o surgimento de denúncias de aumento indevido no preço do etanol. “Sempre que houver alteração nos valores, realizaremos visitas aos postos”, garantiu.

A respeito dos nomes dos estabelecimentos autuados, Leão salientou que o Procon deve divulgar a lista completa em breve.

Matéria relacionada:

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM