Propaganda do Governo do Estado do Piauí

Educação

Uespi pode entrar em greve pela segunda vez em menos de um ano

A categoria afirmou que a ampliação da carga horária poderá prejudicar os projetos de pesquisa e extensão.

Publicado por: Wanderson Camêlo 18/09/2019, 19:38

Os professores da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) aprovaram um indicativo de greve durante uma assembleia com a categoria na última segunda-feira (16). Os docentes reivindicam a possibilidade de alteração do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), o que poderá deixá-los por mais tempo em sala de aula. A categoria afirmou que a ampliação da carga horária poderá prejudicar os projetos de pesquisa e extensão.

Os professores alegam ainda que o Governo do Piauí atendeu de maneira tímida as reivindicações do acordo que pôs fim a última greve, iniciada em março de 2019. Segundo a categoria, o apelo dos docentes já chegou nas mãos do desembargador Ricardo Gentil Eulálio do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ).

UESPI (Foto: Reprodução)

O sindicato ainda não tem data para se reunir novamente, mas declarou que segue monitorando o projeto de alteração dos PCCS, e, caso seja viabilizado na Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi), uma nova assembleia será marcada na próxima semana.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM