Educação

Alunos da Facime fazem protesto e pedem contratação de professores

Os manifestantes disseram que mais de 10 disciplinas do curso da Medicina da Uespi estão sem professores na grade curricular.

Publicado por: Wanderson Camêlo 30/09/2019, 16:37

Alunos do curso de Medicina da Universidade Estadual do Piauí (Uespi) realizaram um protesto nesta segunda-feira (30) em frente ao Palácio de Karnak. Os acadêmicos fizeram manifestação e penduraram os jalecos nas grades do Palácio de Karnak.

Fotos: Divulgação/CA

Os manifestantes disseram que mais de 10 disciplinas do curso da Medicina da Uespi estão sem professores na grade curricular.

O presidente do Centro Acadêmico de Medicina da Uespi, Ítalo Alves, disse que a principal reivindicação é a falta de professores preceptores. O preceptor é o professor responsável por orientar os acadêmicos durante o estágio obrigatório nos dois últimos anos de curso.

Fotos: Divulgação/CA

A Controladoria Geral do Estado fez uma inspeção e detectou falhas na contratação dos preceptores e embargou todos os cargos e agora a Uespi está sem preceptores. A coordenação da Uespi tentou por vias administrativas resolver, mas o Estado não autorizou a contratação, segundo informou o centro acadêmico.

Fotos: Divulgação/CA

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM