Em Tempo

O policial penal Kleiton Holanda, ex-presidente do Sinpoljuspi, é outro que vai colocar o nome para teste nas eleições deste ano. O projeto mira uma cadeira na Câmara Federal. Kleiton vai representar o Podemos, partido que tem o historiador e advogado Alessander Mendes como pré-candidato ao governo do Piauí. É a primeira vez que Kleiton vai disputar um mandato eletivo. Só resta desejar boa sorte.

O deputado Federal General Peternelli propõe a instituição de mensalidade em universidades públicas; o projeto corre na Câmara Federal e pode ser analisado hoje pela Casa. O relator é Kim Kataguiri, ferrenho defensor da proposta com a justificativa de que o rico deve custear o ensino superior do pobre: FALÁCIA PURA. Kim, aliás, é formado em universidade pública e pertence a uma família bem estabelecida financeiramente, ou seja, nunca soube como são as dificuldades de quem não tem dinheiro e só possui uma opção, praticamente, de conseguir um curso superior: a universidade pública. Será que aquela parcela mais pobre que votou nele e em Peternelli está satisfeita com isso? Lamentável…

Os motoristas e cobradores se reúnem hoje para tratarem sobre os salários atrasados. Eles fazem assembleia geral sobre a possibilidade de paralisarem novamente as atividades. Hoje ainda acontece uma reunião entre o Sintetro, o Setut, e a Strans para avaliarem a situação e buscarem soluções para o problema.  Última greve dos motoristas durou 23 dias. Eles estão reclamando que não houve o cumprimento do acordo feito para acabar com o movimento.

A prefeita interina de Pedro II, Betinha Brandão (PSB), será efetivada no cargo nesta terça-feira (24), às 9h, em sessão que acontece na Câmara Municipal. Ela assume após o falecimento de Alvimar Martins.  A posse acontece de forma rápida e restrita, devido ao luto no município. Ela não vai realizar festa ou comemoração pela posse e deve permanecer no cargo até 31 de dezembro de 2024.Betinha Brandão tem 61 anos e é esposa do deputado estadual Wilson Brandão(Progressistas).

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, autorizou a Secretaria de Educação Municipal (Semec) a reorganizar o calendário escolar no município. Ele autorizou também o corte no contracheque do professor que permanecer em greve e a contratação de profissionais temporários. E caso seja necessário, que seja feita a reorganização da lotação dos profissionais da educação. E a  contratação temporária de professores substitutos. Já os descontos nos contracheques dos grevistas podem ser realizados com data retroativa a 7 de abril. “Esse decreto tem como objetivo reorganizar a forma como as aulas serão reiniciadas e garantir o direito a educação de todas as crianças. Já tivemos duas decisões judiciais que atestaram a ilegalidade da greve. As aulas precisam voltar o quanto antes”, afirmou o secretário de Governo da Prefeitura, André Lopes. A greve já dura mais de 100 dias. O TJ-PI, por duas vezes, decretou a ilegalidade do movimento, estabelecendo multa de R$ 20 mil por dia no caso de descumprimento. A prefeitura alega que nenhum profissional do magistério ganha menos que o piso salarial e que os professores tiveram um reajuste de 16% em fevereiro.

A Promotoria de Justiça de Barro Duro ajuizou três ações de improbidade administrativa contra o ex-prefeito de Passagem Franca do Piauí, Raislan Farias dos Santos, e mais 17 pessoas investigadas durante a Operação “Ibi Clausus”. O Ministério Público requer que os processados sejam condenados a ressarcir o erário em mais de R$ 6 milhões. A ação foi deflagrada em outubro de 2020, pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPPI) e a Promotoria de Justiça de Barro Duro, na cidade de Passagem Franca do Piauí, por crimes contra a administração pública municipal praticados por organização criminosa chefiada localmente pelo ex-gestor. A operação resultou no oferecimento de três denúncias criminais: as penas dos crimes imputados aos envolvidos, somadas, ultrapassam 100 anos de reclusão.

Nesta segunda (22), foi confirmado um óbito por Covid-19 (homem de 76 anos de Teresina) e não houve registro de casos confirmados, nas últimas 24 horas, segundo dados divulgados pela Secretaria Estado da Saúde. No estado, os casos confirmados somam 368.069 em todos os municípios piauienses. Já os óbitos pelo novo coronavírus chegam 7.744 casos e foram registrados em 224 municípios. A Sesapi estima que 360.292 pessoas já estão recuperadas ou seguem em acompanhamento (casos registradas nos últimos 14 dias) que não necessitaram de internação ou evoluíram para morte.

 

As crianças venezuelanas radicadas em Teresina terão aulas. Elas devem começar ainda este ano. O objetivo é alfabetizar as crianças e adolescentes filhos das famílias migrantes refugiadas indígenas venezuelanas da etnia Warao, residentes em Teresina, no sentido de realizar a inclusão no processo educacional. Serão atendidas pelo menos 61 crianças de 06 a 16 anos, que estão distribuídas em três abrigos da capital. Os alunos do Projeto Educação Sem Fronteiras serão integrados desde a Educação Infantil, utilizando como metodologia o Programa Tempo de Aprender. A ação é de responsabilidade da Prefeitura de Teresina, Secretaria Municipal de Educação (Semec) e a Secretaria Municipal de Cidadania, Assistência Social e Políticas Integradas (Semcaspi).

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM