Geral

‘Chernobyl chileno’: a maior produtora de cobre do mundo anuncia fechamento de fundição

Codelco anunciou a decisão na sexta-feira (17) após um novo episódio de contaminação do ar

Publicado por: Lilian Oliveira 18/06/2022, 12:21

A empresa estatal Codelco, maior produtora de cobre do mundo, anunciou o fechamento de uma fundição situada no “Chernobyl chileno”, uma das várias áreas de contaminação do país pela qual o presidente Gabriel Boric disse sentir “vergonha”.

Com o voto majoritário de sua diretoria, a empresa anunciou a decisão na sexta-feira (17), após determinar o fechamento da fundição Ventanas, na zona industrial de Quintero e Puchuncaví, 140 km a oeste de Santiago.

A vista mostra a fundição de cobre Ventanas da Codelco, em Ventanas, Chile (Foto: REUTERS)

A decisão ocorre depois de um novo episódio de contaminação do ar em 9 de junho passado, que afetou 115 pessoas, a maioria estudantes, obrigando o fechamento das escolas, como ocorre há décadas por causa da poluição no local.

“Não queremos mais áreas de sacrifício (ambiental). Hoje existem centenas de milhares de pessoas que vivem no nosso país expostas à deterioração ambiental severa que causamos ou consentimos e que como chileno me envergonha”, disse o presidente.

Situado na costa leste do país, o “Chernobyl chileno” é foco há décadas de crises de intoxicação na população por contaminação do ar por causa da indústria da mineração.

A decisão da Codelco “foi tomada considerando os casos recorrentes de intoxicação que têm havido na operação da fundição”, disse Boric.

Fonte: G1

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM