Propaganda do Governo do Estado do Piauí

Geral

Polícia Militar realiza operação “Arcanjo II” em Teresina

A ação conjunta envolve ainda Polícia Civil, Detran e Strans

Publicado por: Caio Rabelo 14/01/2023, 11:14

A Polícia Militar do Piauí lançou, na noite desta sexta -feira (13), a operação “Arcanjo II”, uma ação conjunta das polícias do Estado.

A estratégia envolve blitze estratégicas em diversos pontos da cidade e a presença efetiva da polícia nas ruas com mais de 60 veículos, 12 motos e mais de 150 profissionais fazendo as abordagens em todas as zonas da capital. A ação conta com a parceria da Superintendência Municipal de Trânsito (Strans), Polícia Civil e Detran.

De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Scheiwann Lopes, essa não será apenas uma ação pontual, pois faz parte das estratégias de segurança que serão adotadas por meio de planejamento.

“Será durante todo o ano. Todo dia, manhã, tarde e noite. Nessa operação, por exemplo, quadruplicamos o número de policiais nas ruas. Estamos investindo também na compra de folgas dos policiais, assim aumentamos as possibilidades e os valores recebidos para crescer a produtividade”, explicou.

Foto: Divulgação/Gov

 

Scheiwann enfatizou que esse planejamento estratégico vem sendo realizado desde meados de 2022 e conta com as forças de inteligência de segurança. “No ano passado, evitamos mais de 10 mil chamadas no COPOM. Agora vamos intensificar o que deu certo em 2022 e melhorar cada vez mais”, disse.

“Estamos intensificando a presença policial nos corredores, vias de acesso e fechamento da cidade com saída para outras localidades, tendo assim uma presença maior da segurança e estando cada vez mais próximo da sociedade”, comentou o comandante Scheiwann Lopes.

O superintendente Municipal de Trânsito de Teresina, Bruno Pessoa, destacou o apoio dado nas operações.

“Estamos compondo esta integração junto com a Polícia Militar para ajudar tanto na segurança viária, como na segurança dos transeuntes. Nossas equipes estão em conjunto fazendo essas operações contínuas, que serão realizadas ao longo do ano, para que possamos diminuir os números de acidentes”, disse.

Bruno Pessoa também destacou que, além do caráter fiscalizatório, as ações também visam a educação no trânsito. “Passamos informações sobre o uso do cinto de segurança, do não uso de álcool ao dirigir, ao mesmo tempo que o efetivo da fiscalização faz as abordagens necessárias”, explicou.

Sheiwann pediu o empenho e dedicação aos envolvidos nas ações e revelou que muitos benefícios estão sendo discutidos para a produtividade. “Sabemos que apesar das nossas ações, há um grande número de reincidência, mas não vamos desanimar. Vamos realizar um trabalho de excelência, investir na prevenção e evitar crimes”, disse.

Operações no interior

De acordo com o comandante-geral da Polícia Militar do Piauí, coronel Scheiwann Lopes, as operações também serão intensificadas no interior do Estado, em especial nas cidades identificadas como mais problemáticas.

“Nós temos o sistema de inteligência e sabemos que dois terços das cidades do Piauí não pontuaram com mortes violentas. Nossa concentração será nas 12 cidades mais problemáticas, que são algumas no semiárido, algumas nos cerrados e outras na região norte do Piauí. Estaremos fortemente atuando em Piripiri, Parnaíba, Luís Correia, Cajueiro da Praia e Campo Maior, que são as que tiveram um aumento da criminalidade. Vamos atuar para que possamos diminuir esses índices, assim como fizemos em Teresina”, disse.

Scheiwann Lopes também destacou que mais policiais já estão em formação e assim que finalizarem o curso já vão reforçar as forças de segurança, em especial no interior.

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM