Servidora terceirizada do TJPI é presa preventivamente por corrupção

18 de maio de 2022

A servidora terceirizada do Tribunal de Justiça que atuava na 5ª Vara de Família, Kelly Layane Rodrigues Ferreira, foi presa preventivamente a pedido do Ministério Público e da polícia civil. Ela foi presa acusada de corrupção por ter cobrado R$ 2 mil para agilizar um processo que pedia pensão alimentícia parado na vara desde 2013.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM