Propaganda do Governo do Estado do Piauí

Política

Presidente do PSL vai a São Paulo para decidir quem o partido vai apoiar na eleição para prefeito de Teresina

Por Wanderson Camêlo O PSL ainda não definiu de que lado vai estar na eleição majoritária da capital piauiense. O presidente municipal do partido, Daniel […]

Publicado por: Luciano Coelho 24/08/2020, 15:05

Por Wanderson Camêlo

O PSL ainda não definiu de que lado vai estar na eleição majoritária da capital piauiense. O presidente municipal do partido, Daniel França, viajou para São Paulo (na última quinta-feira, 20) justamente para finalizar, junto à executiva municipal, os debates sobre o assunto.

Lá ele se reúne com a deputada federal Joice Hasselmann, interlocutora do PSL nacional e outras lideranças. Daniel adianta que tem carta branca da sigla para tomar a decisão final. “Não posso adiantar nada, mas posso afirmar que a executiva nacional está bem à vontade para decidir, para me dar autonomia para tomar a decisão”, afirmou.

Daniel França (ao centro) ao lado do prefeito de Teresina, Firmino Filho e do presidente estadual do PSL, Luís André (Foto: reprodução/Facebook)

Alianças

O PSL já foi convidado para compor a vice do PSD – que tem Simone Pereira como pré-candidata à prefeitura de Teresina. A mesma proposta foi feita pelo PV, que vai lançar a deputada estadual Teresa Britto na disputa. “Achei os dois convites honrosos, mas temos que analisar várias coisas, dentre elas a viabilidade eleitoral dessas chapas e também a questão dos espaços do PSL”, ressaltou Daniel França.

Antes de ir a São Paulo, o presidente esteve, na quarta-feira (19), em Brasília, onde se reuniu com o presidente nacional do Progressistas, o senador Ciro Nogueira. O parlamentar tenta convencer o PSL a fechar acordo com a chapa encabeçada por Kleber Montezuma (PSDB).

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM