Política

Simone Pereira promete acionar Justiça contra pesquisa em que não é citada

Responsável pelo instituto de pesquisa citado diz que a candidata usa de “má-fé”

Publicado por: Wanderson Camêlo 16/10/2020, 14:38

Um vídeo em que um homem, funcionário do Instituto Opinar, aparece coletando dados para uma pesquisa de intenção de voto relacionada à disputa pela prefeitura de Teresina gerou a revolta da candidata Simone Pereira, do PSD. Ela promete acionar a Justiça por alegar que seu nome não foi citado como opção no levantamento.

Simone Pereira (Foto: reprodução/Facebook)

O vídeo

O rosto e a parte da imagem que mostra o crachá de identificação do rapaz foram desfocados. Um outro homem, não identificado, faz a gravação, aparentemente usando um celular, enquanto responde ao questionário (contendo o nome de vários postulantes à prefeitura da capital).

“Eu vou falar o nome de alguns candidatos e o senhor vai dizer se votaria, com certeza, ou se possivelmente não votaria, de jeito nenhum”, diz o funcionário ao iniciar o levantamento. Depois ele cita os candidatos Doutor Pessoa (MDB), Fábio Abreu (PL), Fábio Novo (PT), Fábio Sérvio (PROS), Kleber Montezuma (PSDB) como opções.

O entrevistado responde que votaria apenas em Fábio Sérvio. Logo em seguida, questiona o entrevistador sobre a ausência de Simone Pereira na lista: “Mas por que não tem a Simone Pereira?”.

“É por que eles [a empresa] já fizeram um balanceamento e esses são os que estão sendo mais cotados”, responde o funcionário.

Em entrevista à Teresina FM, a candidata do PSD criticou a metodologia no levantamento. Segundo ela, os nomes citados constam na lista porque pontuaram em outros levantamentos de intenção de voto já realizados. “É complicado, por que você vai fazer uma pesquisa somente com as pessoas que estão pontuando? E os demais? É um critério injusto, tendencioso e a gente não vai se calar”, ameaçou.

O proprietário do Opinar, Rodrigo Melo, também se pronunciou. “[As acusações] são improcedentes e irresponsáveis. As pessoas não entendem de pesquisa e usam de má-fé. Eles [do PSD] querem se eximir da responsabilidade”, rebateu.

Confira o vídeo logo abaixo:

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM