Saúde

Prefeita de Guadalupe decreta calamidade pública e lockdown parcial

O decreto é valido até o dia 31 de janeiro

Publicado por: Lilian Oliveira 14/01/2021, 18:36

A prefeita do município de Guadalupe, Neidinha Lima (PSD), decretou estado de calamidade pública até o dia 31 de janeiro. A decisão aconteceu devido ao aumento de casos de covid-19 na cidade. O fechamento do comércio e serviços da cidade, chamado lockdown parcial, vai durar até o dia 17 deste mês.

Em entrevista à rádio Teresina FM, a prefeita evidenciou que a flexibilização do decreto vai depender do comportamento da população em relação às medidas de prevenção e do número de casos da doença. Segundo ela, o morador que não sair de máscara poderá ser multado no valor de R$ 500 a R$ 1 mil reais para pessoa física e R$1 mil para R$10 mil para pessoa jurídica.

A flexibilização do decreto vai depender do comportamento da população (Foto: reprodução/Instagram)

 

De acordo com a gestora, a cidade precisa de apoio logístico de mais ambulâncias e médicos, pois os ativos estão sobrecarregados. Ainda pontua que para melhorar a locomoção de pacientes graves de Guadalupe para o hospital de Floriano, é necessário a conclusão da estrada que liga os dois municípios.

A prefeita Neidinha, que sofreu um reinfecção da covid-19 apela ao povo da cidade: “Continuem se reservando, evitando as aglomerações, usando álcool em gel e a máscara”. O decreto foi publicado no último dia 10 e poderá ser prorrogado.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM