Educação

Bloqueio nas contas compromete funcionamento da UFPI e do IFPI

O corte de 30% no orçamento da UFPI e do Instituto Federal do Piauí vai comprometer o ano letivo e os serviços para os estudantes […]

Publicado por: Wanderson Camêlo 03/05/2019, 18:21

O corte de 30% no orçamento da UFPI e do Instituto Federal do Piauí vai comprometer o ano letivo e os serviços para os estudantes como transporte, o restaurante, a internet e os projetos de pesquisa e extensão. O reitor da UFPI, Arimatéia Lopes, informou que vai ter que cortar 40% do pessoal terceirizado da área de apoio administrativo.

O reitor da UFPI confirmou que antes já tinha sido contingenciado o orçamento da universidade. Depois houve um bloqueio de 20% no valor do repasse e agora, a ordem para mais 30%.

“O nosso orçamento hoje é igual ao orçamento de 2016, só que com mais despesas. E tivemos esse bloqueio de 30% do orçamento. Agora vamos precisar cortar mais ainda. Já gastamos 40% do orçamento previsto para combustível para a universidade. Teremos que suspender todas as viagens para feiras, congressos e outros. Estamos cortando no osso”, frisou o reitor.

Arimatéia Lopes enfatizou o corte para fazer ajustes. “Estamos no limite e não temos mais onde cortar. Estamos estudando o que podemos cortar”, enfatizou.

O diretor do IFPI de Floriano, Odimogenes Soares, afirmou que vai comprometer o transporte dos alunos, que são 1.200 nos cursos integrados, do ensino médio; afetar as 600 refeições servidas no restaurante; assistência estudantil, além de projeto de pesquisa e extensão, além da internet.

“Há 20 dias fomos comunicados pela pró-reitoria de extensão do IFPI que já tinha sido contingenciado 20% do orçamento. O nosso planejamento é feito conforme o orçamento. Temos que reduzir nos gastos ainda com energia e com outras coisas. Temos que sentar e analisar para tomarmos essas decisões. Foram bloqueados R$ 18 milhões do orçamento do IFPI de 2019. Só em Floriano o corte foi de R$ 800 mil. E isso vai ser cortado dos serviços ofertados aos alunos”, comentou o diretor.

 

Por Luciano Coelho/ Júnior Medeiros

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM