Esporte

Em duelo do Piauí na Série D, Flu-PI e 4 de Julho empatam pela quarta vez no ano

Equipes criam várias chances, mas falta de refino nas finalizações deixa placar zerado no Lindolfo Monteiro

Publicado por: Eric Souza 15/05/2022, 20:06

O primeiro duelo piauiense na Série D do Brasileirão, entre Fluminense-PI e 4 de Julho, terminou em mais um empate, dessa vez sem gols. As equipes se enfrentaram na tarde deste domingo (15) no estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, pela quinta rodada da competição nacional.

Essa foi a quinta partida entre os clubes somente em 2022, e a quarta ocasião em que os times empataram: nas outras três o placar foi exatamente o mesmo, 1 a 1.

Após cinco duelos em 2022, Flu-PI permanece invicto contra 4 de Julho (Foto: Neyla Monteiro/Fluminense E.C.)

Festival de chances perdidas

É certo que o placar não saiu do zero, mas oportunidades não faltaram para ambos os lados. Logo nos 13 primeiros minutos de jogo, o 4 de Julho acertou três finalizações com o lateral Guto e os atacantes Erverson e Jânio Daniel.

Na sequência, o domínio do Colorado se esvaiu e deu lugar à pressão do Vaqueiro, que assustou com o meia Janeudo e o centroavante Mário Sérgio. O artilheiro do Brasil, aliás, embora tenha passado em branco, se mostrou muito participativo na marcação da saída de bola do adversário.

Depois do intervalo, os técnicos promoveram uma série de alterações: no lado do Tricolor entraram William Salvino, Waldir, Júnior Prego, Maurício e o estreante Erivelton; no lado do Gavião, foram a campo Wallace, Cinelton, Alex Mineiro, Diguinho e Ítalo Pica-Pau. Este último foi extremamente acionado pela lateral direita, lançando diversas bolas na grande área do Flu-PI.

Artilheiro do Brasil, Mário Sérgio não conseguiu aumentar a vantagem na lista dos goleadores (Foto: Neyla Monteiro/Fluminense E.C.)

As duas melhores oportunidades do confronto, ambas do Vaqueiro, vieram na reta final da segunda etapa: aos 36, Júnior Prego recebeu em profundidade, ficou cara a cara com o goleiro Jailson e preferiu tocar para Waldir, mas o passe saiu muito forte.

Três minutos depois, aos 39, em cobrança de escanteio, Jailson saiu para caçar borboletas e o cabeceio do zagueiro Michel foi tirado em cima da linha pelo volante Cinelton, do Colorado. Em seguida, Gean desperdiçou uma ótima descida pela direita e gerou contra-ataque do 4 de Julho, que não foi aproveitado.

Faltou finesse?

Após o apito final, os treinadores apresentaram visões bastante diferentes sobre o desempenho de suas equipes. Para Marcelo Vilar, técnico do Flu-PI, o atual campeão piauiense apresentou um comportamento aquém do esperado.

“Hoje minha equipe me decepcionou. Fomos apáticos, não fomos aguerridos nem vibramos com o jogo. Criamos muitas jogadas de armação, mas somente assim não chegaremos ao gol. Precisamos de profundidade, buscar o um contra um, e é isso que será cobrado, pois cobramos de quem sabemos que pode entregar mais”, considerou.

Tonet reconhece melhoras e deseja repetir desempenho nos próximos compromissos da Série D (Foto: Eric Souza/Teresina FM)

Já para Fernando Tonet, comandante do 4 de Julho, o clube de Piripiri teve uma nítida evolução comparado à derrota de 3 a 0 sofrida dentro de casa para o Castanhal-PA na rodada anterior.

“Mostramos que o 4 de Julho tem condições de fazer frente aos demais times. Hoje vi um elenco diferente, que se defendeu bem, equilibrou a partida e buscou a vitória mesmo fora de casa. Pecamos um pouco nas finalizações, mas é desse espírito competitivo que precisamos para voltarmos a vencer”, concluiu.

Classificação e próximos confrontos

Com o resultado, o Flu-PI permanece na vice-liderança do Grupo A2, com nove pontos, mesma quantidade do líder Moto Club-MA, que possui uma vitória a mais (3 a 2).

Por sua vez, o 4 de Julho chega aos cinco pontos e salta da sétima para a sexta colocação, deixando o Juventude-MA para trás e ficando a somente três pontos de diferença para o G-4 da chave.

Os clubes piauienses voltam a campo na próximo final de semana: no sábado (21), o 4 de Julho recebe o Tocantinópolis-TO na Arena Ytacoatiara, em Piripiri, às 16h. No domingo (22), às 17h, Flu-PI e Moto Club fazem o duelo da liderança no Nhozinho Santos, em São Luís.

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM