Banner de Aniversário
Gif sobre a atualização do site do detran pi.

Geral

Adolescentes fazem rebelião e destroem três alas do CEM em Teresina

Os menores infratores se rebelaram no Centro Educacional Masculino (CEM), no bairro Memorare. Eles atearam fogo em colchões, madeiras e papelões. Foi preciso acionar o […]

Publicado por: Luciano Coelho Repórter: Luciano Coelho 12/08/2019, 08:17

Os menores infratores se rebelaram no Centro Educacional Masculino (CEM), no bairro Memorare. Eles atearam fogo em colchões, madeiras e papelões. Foi preciso acionar o Corpo de Bombeiros e a tropa de choque da Polícia Militar para controlar a situação.

A Secretaria de Assistência Social e Cidadania (Sasc) informou que três pavilhões foram destruídos durante a rebelião. Os adolescentes que estavam internados nestas alas devem ser transferidos para o Centro Educacional de Internação Provisória (Ceip).

Menores fizeram motim no prédio do Centro Educacional Masculino em Teresina

A rebelião terminou quando uma guarnição da Polícia Militar entrou no local para controlar a rebelião.  Os internos atearam fogo em colchões no pátio da unidade e muitos saíram dos alojamentos e ficaram perambulando pela unidade educacional.

O Corpo de Bombeiros e a tropa de choque da Polícia Militar foram acionados para controlar a situação

Alguns adolescentes pularam o muro e escondiam os rostos com camisas amarradas na cabeça como uma balaclava. Os adolescentes jogavam pedras e telhas da estrutura do centro. Eles jogavam telhas e tijolos também nas casas da vizinhança que tiveram os telhados das casas e o para-brisa de um carro.

Menores atearam fogo em colchões, madeira e papelão dentro do CEM

Nesta ano já houve cerca de 30 fugas do CEM, sendo 25 fugas anteriores e cinco nesta última rebelião, sendo que alguns já foram recapturados.

Menores infratores jogaram telhas e pedras nos policiais e também nas casas da vizinhança do CEM

Há duas semanas o governador Wellington Dias assinou um decreto de emergência para que fossem realizadas obras para melhorar a estrutura física e de monitoramento. As obras e serviços devem ser concluídos no prazo máximo de 180 dias consecutivos e ininterruptos a partir do dia 29 de julho.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM