Banner de Aniversário

Geral

Obras do viaduto da Barão pararam com 75% de conclusão

A construtora responsável pelos serviços, solicitou o destrato alegando incapacidade de concluir os serviços devido à problemas causados pela pandemia

Publicado por: Lilian Oliveira 21/09/2021, 17:54

Matéria de Eduardo Costa 

Outra obra aguardada pelos teresinenses, agora na zona Sul da capital, é a do viaduto que fará ligação entre as avenidas Barão de Gurguéia e Henry Wall de Carvalho. A construção do elevado que iniciou em Abril de 2018, tinha o primeiro prazo de conclusão para 18 meses, ou seja, deveria ter sido finalizado ainda em 2019, mas a obra ainda segue em andamento, com 75% da obra concluída.

A construtora responsável pelos serviços, solicitou o destrato alegando incapacidade de concluir os serviços devido à problemas causados pela pandemia. O investimento da obra do viaduto da Barão de Gurgueia é de aproximadamente R$ 29 milhões com recursos do Governo Federal, através do Pacto pela Mobilidade, e contrapartida da administração municipal.

Imagem da obra com 60% de conclusão ainda em 2019 (Foto: Divulgação/Ascom)

De acordo com Juca Alves, Superintendente da Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Sul, (SAAD Sul), órgão responsável pela obra, outro entrave alegado pela construtora, seria o remanejamento da rede de alta tensão que passava pela via.

“Nós recebemos a obra em ritmo muito lento, onde entraves como a pandemia e o remanejamento da fiação de alta energia fizeram com que a construtora solicitasse o destrato do contrato”, disse.

Segundo Juca Alves, já esta acontecendo um novo projeto licitatório, e a previsão é de que a obra seja retomada e concluída em 2022.

“Fizemos alguns reajustes no projeto e reenviamos para Caixa Econômica Federal. Essa obra já está sendo relicitada e queremos que ele volte com os serviços no começo de 2022. É uma obra importante para a zona Sul, onde vai desafogar o trânsito daquela região. Acredito que em três meses já teremos um nova empresa licitada e em no máximo seis meses após a retomada do serviço, concluiremos a obra”, pontuou.

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM