Banner de Aniversário
Gif sobre o fundo estadual dos direitos da criança e do adolescente.

Geral

Piauí registra 69 casos positivos para gripe H3N2, diz Sesapi

A morte de uma pessoa de 72 anos foi confirmada

Publicado por: Lilian Oliveira 04/01/2022, 15:23

De acordo com a Secretaria de Estado de Saúde (Sesapi), o Piauí registrou 69 casos positivos para H3N2 e a morte de uma senhora de 72 anos pela doença. Diante disso, o governo estadual recomenda que a população mantenha os protocolos de biossegurança usados para a Covid-19, a fim de mitigar a disseminação do vírus da Influenza.

Vírus H3N2 está se espalhando pelo Brasil (Crédito: Reprodução/Unsplash)

Sesapi confirma primeira morte por gripe H3N2

No dia 31 de dezembro, a Sesap confirmou a primeira morte por Influenza (H3N2) no Piauí. A paciente tinha 72 anos, natural de Barras, Norte do Estado, e estava internada no Hospital da Polícia Militar, em Teresina.

De acordo com a Sesapi, ela morreu no dia 25 de dezembro. A investigação epidemiológica atestou laboratorialmente que a morte se deu em decorrência do vírus H3N2. Os resultados foram liberados no dia 28 do mesmo mês. 

Influenza

A influenza é uma infecção viral aguda que afeta o sistema respiratório. É de elevada transmissibilidade e distribuição global, com tendência a se disseminar facilmente em epidemias sazonais, podendo também causar pandemias.

O período de incubação dos vírus influenza é geralmente de 2 dias, variando entre um e quatro dias. Os sinais e sintomas da doença são muito variáveis, podendo ocorrer desde a infecção assintomática, até formas graves.

A doença tem início, em geral, com febre alta, seguida de dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça, coriza e tosse. A febre é o sintoma mais importante e dura em torno de três dias. Os sintomas respiratórios como a tosse e outros tornam-se mais evidentes com a progressão da doença e mantêm-se em geral de três a cinco dias após o desaparecimento da febre. Alguns casos apresentam complicações graves, como pneumonia, necessitando de internação hospitalar, quadro que também pode ser desenvolvido com a Covid-19, além de outras viroses respiratórias.

A vacina influenza é uma das medidas de prevenção mais importantes para proteger contra a doença, além de contribuir na redução da circulação viral na população, bem como suas complicações e óbitos, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco.

 

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM