A educação e o futuro

24 de junho de 2019

É comum, muito comum mesmo, ouvir dizer que a escola ensina, mas a educação vem de casa.

Outros muitos dizem que a escola ensina, mas a educação vem do berço.

Mas, se a escola ensina e a educação tem que vir de casa, é bem provável que o Brasil viva hoje um de seus piores momentos.

Pelos exemplos diários que presenciamos ou a escola não está ensinando nada ou os pais estão em falta com seus filhos.

Não custa nada repetir que a educação é a base de tudo. Não custa nada repetir que sem educação não vamos a lugar algum. Isso é fato.

No Piauí, por exemplo, vivemos um dia a dia cheio de exemplos de que somos realmente uma imensa legião de mal educados; somos pessoas que não nos preocupamos com o vizinho nem com o amigo; não nos preocupamos com o meio ambiente nem com o bem estar das pessoas; não nos preocupamos com a saúde nem com a segurança do próximo.

No trânsito, talvez nosso exemplo mais caro, somos selvagens, somos homens das cavernas, verdadeiros trogloditas. O Hospital de Urgência de Teresina talvez seja o melhor exemplo dessa situação.

No trânsito, muitos pensam que o importante é chegar a frente de todos, pouco importando os meios utilizados para esse grandioso feito.

Como explicar que nossas crianças ainda joguem seu pequeno lixo em plena via pública? Simplesmente abrem a janela do veículo e atiram o lixo em qualquer ponto.

Se como pais já vamos mal, como educadores então não há classificação possível. Seu filho pode até se tornar um grande profissional, mas muito provavelmente continuará do alto da sua competência praticando esses deslizes, no que já será seguido pelos próprios filhos.

Precisamos refletir seriamente sobre que tipo de pessoas estamos formando para deixar em nosso lugar no futuro.

Os filhos de antigamente eram criados de forma diferente. A eles eram impostos regras e limites. Eram criados com exigências e limites extremos.

Mas isso foi ficando no passado. Agora, exageramos tanto na liberdade dada aos filhos que nos tornamos educadores indecisos e até incapazes. Não estamos infelizmente, sabendo educar nossos filhos.

É verdade que a vida ensina. Ensina e ensina muito. Mas é preferível que antes de conhecer o ensinamento das ruas, eles conheçam os ensinamentos de casa, os ensinamentos dos pais.

Isso tudo para que no futuro o Brasil possa ter verdadeiros cidadãos e verdadeiras cidadãs, pessoas capazes de educar seus sucessores.

Para o bem de todos.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM