Banner de Aniversário
Gif sobre o fundo estadual dos direitos da criança e do adolescente.

Até onde vamos!?

12 de maio de 2020

Para onde estamos indo?

Até onde nos levará essa estrada?

Para onde nos levará essa estrada tão escura e tão misteriosa?

Estamos, finalmente, na estrada da indigitada das gentes, nos aproximando do fim inexorável?

Todos nós sabemos que este fim chegará, muitas vezes de forma inesperada, de surpresa.

De surpresa para nós, porque no caderno onde Deus anota seus fiados está escrito o destino de cada um de nós.

No mesmo caderno vão se anotando ao lado as penas de cada um.

E aí entra aquela frase de Jesus: ninguém irá ao pai se não por mim.

Enfim, se você não crer na palavra do filho fica mais difícil ter alguma coisa com o Pai.

Seria o coronavirus a depuração final? Seria o coronavirus, enfim, o dia do esperado juízo final anunciado pela bíblia sagrada!

Quem sabe.

Jesus, assim como a morte, assim como a indigitada das gentes, não revelou a ninguém o dia de sua volta.

Vigiai, está escrito.

Eu posso chegar a qualquer momento. Vigiai, pois!

Há entre todos nós uma grande expectativa em relação ao futuro.

Dizem que este período que se anuncia no horizonte será uma nova era, será definitivamente um  novo tempo.

Estamos na expectativa de que finalmente viveremos um novo tempo; estamos na expectativa de um tempo onde o amor deverá prevalecer, um novo tempo onde deverá prevalecer a solidariedade entre os povos, entre as nações.

Uma nova era, um novo tempo de paz e de união entre todos nós. Um novo tempo de paz e união em todos os sentidos: paz e união que finalmente nós trarão a tranquilidade tão desejada e tão esperada

Só há um problema em tudo isso.

E esse problema atende exatamente pelo nome homem

O homem que deveria ser o facilitador, será sempre um complicador, infelizmente

Ou você acredita que o homem será outro completamente diferente ao final desta pandemia?

Nada nos garante essa transformação.

O homem, como já falei várias vezes aqui, é um predador.

O homem é mau e nada nos traz a certeza de que irá mudar.

Para o mundo mudar a partir da colaboração do homem é preciso muita fé.

É preciso acreditar no que disse o filho.

Ninguém irá ao pai senão por mim.

 

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM