MP não achou graça nenhuma na presença de Gilvana Gayoso na ADH

7 de maio de 2019

Por conta de situações mal explicadas, a presidente da ADH teve bens bloqueados para ressarcimentos de prejuízos, se for o caso.

Ela recorreu à justiça estadual, que desbloqueou suas contas bancárias.

O Ministério Público não gostou e pediu novamente o bloqueio dos bens.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM