Banner de Aniversário
Gif sobre o fundo estadual dos direitos da criança e do adolescente.

Cidades do litoral reclamam da falta de água e de energia

19 de novembro de 2021

A oscilação de energia elétrica e a falta de água nos municípios do Litoral do Piauí tem gerado revoltado dos comerciantes e de pessoas que necessitam desses serviços para viver. Pacientes em home care ou que fazem uso de medicação que precisa ser refrigerada estão temendo pela própria vida devido a falta de energia e também de água.

A Equatorial, através de nota, se manifestou sobre o assunto. Confira na íntegra:

Nota de Esclarecimento

A Equatorial Piauí informa que vem constantemente investindo em obras estruturantes na região litorânea do Estado, a exemplo da nova Subestação Camurupim e da Linha de Distribuição Parnaíba II/Camurupim, inauguradas neste ano de 2021, beneficiando mais de 24 mil pessoas, com investimentos de aproximadamente R$ 10 milhões.

Sobre o caso específico relatado pela rádio, a Distribuidora informa que realizou atendimento em todas as ocorrências registradas pelo cliente, sendo a última em 10 de novembro, na qual a equipe constatou normalidade na medição do fornecimento, com possível causa do problema defeito interno no imóvel.

A Equatorial Piauí comunica ainda que está à disposição 24h com equipes para atendimento de ocorrências relacionadas a oscilações ou falta de energia e reforça que para quaisquer destas ocorrências é imprescindível que o cliente entre em contato com a distribuidora e protocole atendimento nos canais oficiais para que sejam designadas equipes especializadas e procedam com as manutenções necessárias.

A Distribuidora esclarece também que as unidades consumidoras nas quais residem pessoas que fazem uso de aparelho contínuo para manutenção da vida precisam ser cadastradas nessa condição junto à distribuidora. Esse cadastro é realizado mediante solicitação expressa do titular da fatura de energia, acompanhado de comprovação médica da condição de saúde do usuário de aparelho vital, conforme estabelece a Resolução Aneel 414/2010.

A partir do cadastro, para evitar prejuízos ao funcionamento dos aparelhos elétricos que preservam a vida do usuário, o cliente passa a contar com avisos preferenciais e antecipados informando sobre desligamentos programados na rede elétrica da região ou suspensão do fornecimento por inadimplência, uma vez que o cadastro não isenta o consumidor do pagamento regular da fatura de energia, bem como das ações de cobranças devidas.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM