Banner de Aniversário
Gif sobre a atualização do site do detran pi.

Câmara avalia crise na saúde pela falta de medicamentos e insumos em Teresina

29 de novembro de 2022

O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, falou sobre a falta de insumos e medicamentos nos hospitais dos bairros na capital. Os vereadores de Teresina reclamaram que a saúde na capital passa por uma crise. O vereador Ismael Silva alegou que recebeu denúncias de que os fornecedores de medicamentos e insumos não foram pagos e , por isso, houve o desabastecimento nos hospitais de Teresina.

O vereador alegou que “a FMS está um caos” e está a quase seis meses sem o pagamento regular dos fornecedores na área da saúde. “A diretoria financeira anterior (da FMS) não estava nem sequer recebendo os fornecedores. Recebemos fornecedores de medicamentos de atenção básica, medicamentos psicotrópicos, de outros medicamentos injetáveis que ameaçam suspender a entrega desses medicamentos, se não houver a regularização desses pagamentos. Existem débitos somente com relação a esses fornecedores que ultrapassam R$ 1 milhão. Essa crise não pode penalizar o cidadão”, lamentou o parlamentar.

Gilberto Albuquerque confirmou que está faltando insumos na rede hospitalar, mas ele comentou que existe uma dificuldade mundial em medicamentos e insumos. Gilberto frisou que a FMS já promoveu a licitação para resolver o problema e busca ainda formas alternativas para atender aos pacientes que procuram a rede hospitalar municipal.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM