Gif sobre a atualização do site do detran pi.

Polícia

MP apura acúmulo ilegal de contracheques e pede a devolução do dinheiro

Segundo os dados, são 243 servidores que estariam acumulando cargos

Publicado por: Lilian Oliveira 18/05/2021, 17:06

Por Luciano Coelho

O promotor Francisco de Jesus Lima revelou que o Ministério Público está apurando as denúncias da acumulação indevida de cargos de servidores na Assembleia Legislativa e na Câmara Municipal de Teresina. Segundo os dados, são 243 servidores que estariam acumulando cargos e, se comprovado, terão que devolver o dinheiro recebido ao erário público.

Ele disse que tem até deputado federal recebendo indevidamente os contracheques. Em entrevista à Teresina FM 91,9, Francisco de Jesus disse que o MP abriu investigação preliminar para apurar a veracidade das denúncias. Foram solicitadas informações sobre a documentação para análise, foi observada a falta de licitação para alguns itens, e dar a amplitude de defesa do gestor.

Foto: MPPI

“Vamos analisar para ver se instaura ou não um inquérito civil e vamos ampliar para os últimos cinco anos todas essas apurações. É dever do MP apurar e dar um desfecho. Temos cinco promotores para apurar essas denúncias”, comentou o promotor Francisco de Jesus.

Foi apurado que inclusive pessoas com foro privilegiado estariam sendo beneficiadas com contracheques nos dois legislativos. Pela conversa do promotor, tem deputado federal acumulando contracheque. “Comunicamos o fato à Câmara Federal por esse acumulo ilegal. Comunicamos ainda ao Tribunal de Contas do Estado e da União para apurarmos os indícios e os delitos. Isso incorre em improbidade administrativa e também cabe requerer a devolução do dinheiro recebido”, frisou Francisco de Jesus.

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM