Política

MPPI forma lista tríplice para procurador geral de Justiça

Os Procuradores e Promotores de Justiça do Ministério Público do Estado do Piauí definiram os três membros da instituição que poderão ser nomeados pelo Governador […]

Publicado por: Luciano Coelho Repórter: Luciano Coelho 14/06/2019, 08:28

Os Procuradores e Promotores de Justiça do Ministério Público do Estado do Piauí definiram os três membros da instituição que poderão ser nomeados pelo Governador do Estado para ocupar o cargo de Procurador-Geral de Justiça no biênio 2019-2021. Entre os quatro candidatos inscritos, os mais votados foram Carmelina Maria Mendes de Moura, Hugo de Sousa Cardoso e Paulo Rubens Parente Rebouças.

A lista tríplice segue para o chefe do Poder Executivo estadual, que dispõe de um prazo de 10 dias para exercer seu direito de escolha e nomear o novo PGJ. Caso transcorra esse prazo sem que o Governador se manifeste, a candidata mais votada pela classe ministerial ocupará o cargo de chefia do MPPI.

Carmelina Moura, Hugo Cardoso e Paulo Rubens compõem lista tríplice para procurador geral de Justiça

De acordo com a eleição a 1ª colocada foi Carmelina Moura que obteve 102 votos;  2˚ colocado foi Hugo de Sousa Cardoso com 100 votos e o 3˚ colocado foi  Paulo Rubens com 92 votos e o procurador Flávio Teixeira com 63 votos foi o quarto colocado.

Dos 162 membros aptos a votar, compareceram 151; cada um dos eleitores podia indicar até três candidatos diferentes, nos termos da Lei Orgânica do MPPI. Os trabalhos transcorreram de forma tranquila sem incidentes. A comissão eleitoral, composta pelos Procuradores de Justiça Antônio de Pádua Ferreira Linhares, Alípio de Santana Ribeiro e Teresinha de Jesus Marques, e ainda pelos servidores João Neto e Raquel Policarpo, extraiu o relatório da urna eletrônica e anunciou o resultado logo depois do término da votação.

O mandato de Procurador-Geral de Justiça tem a duração de dois anos, sendo permitida uma recondução por igual período. Atualmente, o cargo é ocupado por Cleandro Moura, que assumiu em julho de 2015 e foi reconduzido ao cargo em 2017, com observação do mesmo procedimento de escolha.

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM