Política

68 deputados traíram partidos em votação de Daniel Silveira

A maioria das traições foi em favor do parlamentar fluminense

Publicado por: Lilian Oliveira 20/02/2021, 16:52

Na votação que manteve a prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), 68 parlamentares contrariaram a orientação de seus partidos. O número representa 13,5% dos 497 deputados presentes na sessão realizada na noite de sexta-feira (19).

A maioria das traições foi em favor do parlamentar fluminense: 53 deputados dos mais diversos partidos discordaram da orientação da bancada e foram contra a prisão de Silveira. Entre esta fatia de votos “não”, estão muitos militares em partidos que fecharam questão, tais como o Capitão Alberto Neto (Republicanos-AM) e Sargento Fahur (PSD-PR).

Placar da votação do deputado Daniel Silveira, que seguirá preso (Foto: Michel Jesus/Câmara dos Deputados)

Houve também 15 votos de parlamentares que ignoraram a ordem do partido para votarem não – e, na prática, libertarem Silveira. Entre estes, estão 11 nomes do próprio partido de Silveira, o PSL. O presidente do partido, Luciano Bivar (PSL-PE), foi a favor de mantê-lo preso. Joice Hasselmann (PSL-SP), também.

Apenas quatro partidos fecharam questão contra a manutenção da prisão: PSL, PTB, PSC e NOVO. Outras três legendas liberaram sua bancada – Patriota, PROS e Podemos, além da Maioria.

Sem estas fatias de votos, a derrota de Silveira entre seus pares teria sido ainda maior – com um saldo de 38 votos entre os divergentes, ele poderia ter não 130, mas sim 92 votos favoráveis a sua soltura.

Veja como votaram os deputados que contrariaram o partido:

Votaram SIM para a perda de mandato, contra os partidos
André Ferreira (PSC-PE)
Euclydes Pettersen (PSC-MG)
Glaustin da Fokus (PSC-GO)
Abou Anni (PSL-SP)
Bozzella (PSL-SP)
Delegado Marcelo (PSL-MG)
Delegado Waldir (PSL-GO)
Felício Laterça (PSL-RJ)
Felipe Francischini (PSL-PR)
Joice Hasselmann (PSL-SP)
Julian Lemos (PSL-PB)
Lourival Gomes (PSL-RJ)
Luciano Bivar (PSL-PE)
Professora Dayane (PSL-BA)
Pedro A Bezerra (PTB-CE)
Pedro Lucas Fernan (PTB-MA)

Votaram NÃO para a perda de mandato, contra os partidos
Afonso Hamm (PP-RS)
Alan Rick (DEM-AC)
Alceu Moreira (MDB-RS)
Alex Santana (PDT-BA)
Angela Amin (PP-SC)
Cap. Alberto Neto (REPUBLICANOS-AM)
Cap. Fábio Abreu (PL-PI)
Capitão Augusto (PL-SP)
Da Vitória (CIDADANIA-ES)
Daniel Trzeciak (PSDB-RS)
Danilo Forte (PSDB-CE)
Danrlei (PSD-RS)
Deleg. Éder Mauro (PSD-PA)
Dr. Jaziel (PL-CE)
Eli Borges (SOLIDARIEDADE-TO)
Enrico Misasi (PV-SP)
Francisco Jr. (PSD-GO)
Guilherme Derrite (PP-SP)
Hélio Costa (REPUBLICANOS-SC)
Hildo Rocha (MDB-MA)
Hugo Leal (PSD-RJ)
Jefferson Campos (PSB-SP)
Jerônimo Goergen (PP-RS)
Joaquim Passarinho (PSD-PA)
José Rocha (PL-BA)
Kim Kataguiri (DEM-SP)
Leda Sadala (AVANTE-AP)
Lincoln Portela (PL-MG)
Liziane Bayer (PSB-RS)
Lucas Redecker (PSDB-RS)
Lucio Mosquini (MDB-RO)
Luiz Antônio Corrêa (PL-RJ)
Mara Rocha (PSDB-AC)
Marlon Santos (PDT-RS)
Neucimar Fraga (PSD-ES)
Norma Ayub (DEM-ES)
Osmar Terra (MDB-RS)
Pastor Gil (PL-MA)
Paula Belmonte (CIDADANIA-DF)
Pedro Cunha Lima (PSDB-PB)
Pedro Lupion (DEM-PR)
Pedro Westphalen (PP-RS)
Policial Sastre (PL-SP)
Pr Marco Feliciano (REPUBLICANOS-SP)
Ricardo Barros (PP-PR)
Rodrigo Coelho (PSB-SC)
Rogério Peninha (MDB-SC)
Rosana Valle (PSB-SP)
Sargento Fahur (PSD-PR)
Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ)
Stefano Aguiar (PSD-MG)
Stephanes Junior (PSD-PR)
Subtenente Gonzaga (PDT-MG)

 

Fonte: Congresso em Foco

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM