Banner de Aniversário

Política

PTB-PI realiza convenção e cede a pressão para desistir da candidatura ao Senado

O partido anunciou nesta quinta-feira adesão ao grupo de Silvio Mendes

Publicado por: Wanderson Camêlo 28/07/2022, 14:43

Matéria de Wanderson Câmelo

O PTB-PI se reuniu hoje por meio de convenção e aproveitou para anunciar, assim como fez recentemente o PDT, adesão ao grupo do pré-candidato ao governo do Estado Silvio Mendes (União Brasil). A solenidade aconteceu na Câmara Municipal de Teresina.

O partido havia decidido lançar chapa para deputado federal e um nome ao Senado, mas o segundo projeto se tornou uma dor de cabeça. O escolhido para representar o PTB na eleição majoritária foi o empresário Nel Lopes, o problema é que o grupo liderado pelo ministro Ciro Nogueira (Progressistas) pressionou para que o partido apoiasse também a pré-candidatura ao Senado de Joel Rodrigues (Progressistas).

Diante da questão, o presidente estadual do PTB, Vinícius do Ó, trabalhou para convencer Nel a desistir da candidatura. O empresário, no entanto, fez jogo duro, até ontem dizia que não iria ceder e que, mesmo mudando de ideia, não iria apoiar o ex-prefeito de Floriano.

Nel Lopes desiste de candidatura ao Senado (Foto: Wanderson Câmelo-Teresina FM) 

Durante a convenção, em entrevista à imprensa, o petebista anunciou a mudança de projeto e também adotou outro discurso. O empresário vai disputar agora uma vaga de deputado federal e votar em Joel.

Nel Lopes afirma que após ouvir muitos amigos decidiu que seguirá apoiando o presidente Bolsonaro, o candidato a governador Sílvio Mendes e  Joelson Rodrigues para o Senado.

“Vejo que a minha a minha candidatura ao Senado ela não interessava ao nosso grupo político porque dividiria realmente votos a gente tem que entender isso. Depois de ouvir bastante as pessoas eu cheguei a essa conclusão e realmente tenho certeza que tomei a a melhor decisão para Piauí para o Brasil, para o meu partido”, explica.

Dificuldade parecida vive o PDT, que anunciou adesão à pré-candidatura de Silvio e à de Joel Rodrigues na última sexta-feira. Apenas uma das principais lideranças do partido em Teresina, o vereador Enzo Samuel, seguiu sentido contrário: vai apoiar Rafael Fonteles, do PT, na eleição para governador e prometeu votar em Wellington Dias (PT) para o Senado. 

O PDT ainda tenta fazer com que o vereador mude de ideia pelo menos com relação à eleição para senador.

Em relação a apoio na campanha de presidência da república, o presidente do PTB estadual, Vinícius do Ó disse que como representante do partido não poderia deixar de apoiar Jair Bolsonaro.

“É uma opção do governador Sílvio não optar pelos nomes nem do presidente Lula, nem do presidente Jair Bolsonaro. Mas eu, como presidente do PTB apoio Jair Bolsonaro. É o candidato que o presidente de honra sempre quis, sempre lutou, então nós vamos dar seguimento”, afirma.

Presidente do PTB no Piauí, Vinícius do Ó (Foto:Wanderson Câmelo-Teresina FM)

 

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM