Banner de Aniversário
Gif sobre o fundo estadual dos direitos da criança e do adolescente.

Saúde

FMS registra 47 casos de meningite e descarta surto da doença em Teresina

Entre os meses de janeiro e setembro de 2019, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou 47 casos de meningite em Teresina. Como o número […]

Publicado por: Wanderson Camêlo 02/10/2019, 10:41

Entre os meses de janeiro e setembro de 2019, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) registrou 47 casos de meningite em Teresina. Como o número é semelhante ao verificado em anos anteriores, a FMS assegura que no momento não há surto dessa doença na capital piauiense.

A meningite é caracterizada pela inflamação das membranas do cérebro e pode ser causada por fungos, vírus ou bactérias. Quando tem origem bacteriana ou viral, a doença provoca sintomas como febre, dor de cabeça, vômito e rigidez do pescoço. Pode surgir ainda mal-estar, confusão mental e aumento de sensibilidade à luz. Em casos de bebês, os sintomas podem ser difíceis de serem percebidos.

A diretora de vigilância em saúde da FMS, Amariles Borba, ressalta que, após constatação dos sintomas, a população pode se dirigir aos estabelecimentos de saúde para receber atendimento médico. “Em relação à transmissão da doença, se bacteriana ou viral, acontece por meio da respiração, gotículas e secreções do nariz e garganta”.

Para prevenir doenças em geral, como a meningite, a população deve manter o seu cartão de vacinação atualizado. “Outra medida eficaz que deve ser implementada é a higienização com frequência das mãos para evitar infecções, além de manter hábitos saudáveis”, finaliza Amariles, informando que a vacinação contra meningite para bloqueio só é indicada em situações em que há surto e dependendo do agente causador.

Na rede pública de saúde, há vacina que protege contra alguns tipos de meningite e está disponível para bebês e adolescentes nas 104 salas de vacinação espalhadas por Teresina. É o caso da meningocócica tipo C, disponível gratuitamente para bebês de 3 e 5 meses de idade, com reforço aos 12 meses. Os adolescentes entre 11 e 14 anos também devem receber a dose única.

Fonte: Prefeitura de Teresina
Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM