Saúde

Uruguai se torna 1º país da América Latina a vacinar menores contra a Covid-19

Com a adesão à vacinação, a expectativa é a de que as escolas de ensino médio voltem ao ensino presencial até o final de julho

Publicado por: Lilian Oliveira 10/06/2021, 13:39

O Uruguai começou a vacinar adolescentes entre 12 e 17 anos contra a Covid-19 nesta quarta-feira (9), tornando-se o primeiro país latino-americano a iniciar a campanha de imunização entre os menores de idade.

Segundo as autoridades de saúde, cerca de 157 mil adolescentes nessa faixa etária já se inscreveram para receber as doses da Pfizer, o que equivale a mais da metade da população total desse grupo —em torno de 280 mil.

Adolescente uruguaio depois de receber dose da vacina contra o coronavírus em Montevidéu (Foto: Pablo Vignali – 9.jun.21/AFP)

Com a adesão à vacinação, a expectativa é a de que as escolas de ensino médio voltem ao ensino presencial até o final de julho. As escolas de ensino fundamental serão reabertas ainda neste mês.

O Chile também autorizou a vacinação de adolescentes entre 12 e 16 anos, mas a campanha começará no próximo dia 20.

O governo uruguaio tem apostado no programa de imunização para superar as crises causadas pela pandemia. Pelo menos a primeira dose dos imunizantes foi aplicada em mais de 59% da população, e 31% já estão completamente imunizados.

Até esta quinta-feira (10), o país registrou mais de 326 mil casos e 4.816 mortes por coronavírus, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins.

 

Fonte: Folha de São Paulo

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM