Gif sobre a atualização do site do detran pi.

Saúde

FMS alerta para necessidade de vacinar jovens de 9 a 14 anos contra HPV

O HPV é a mais frequente infecção sexualmente transmissível na mulher e no homem

Publicado por: Caio Rabelo 06/01/2023, 08:13

A Fundação Municipal de Saúde (FMS) informa que a vacina contra o HPV (papiloma vírus humano) está disponível nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), oferecida gratuitamente, pelo SUS para meninas e meninos de 9 a 14 anos. Essa vacina tem como função prevenir doenças causadas pelo vírus HPV, como verrugas genitais, lesões pré-cancerosas e câncer do colo do útero, vulva, vagina, ânus, pênis, cabeça e pescoço.

A vacina oferecida pelo SUS é a quadrivalente, que protege contra os 4 tipos de vírus HPV mais comuns no Brasil e age estimulando a produção de anticorpos necessários para combater o vírus. O HPV é a mais frequente infecção sexualmente transmissível na mulher e no homem.

FMS alerta para necessidade de vacinar meninos e meninas de 9 a 14 anos contra HPV (Foto: Ascom/FMS)

A infectologista e gestora da Gerência da Divisão em Saúde da FMS, Amparo Salmito, alerta para a necessidade de vacinar as pessoas do público alvo. “Recomendo a vacinação contra o HPV, pois quando a pessoa adquire o vírus é difícil se livrar dele e a vacinação protege e está disponível pelo SUS”, orienta.

A assessora técnica da Diretoria de Atenção Básica da FMS, Ayla Maria Calixto de Carvalho, destaca as dificuldades encontradas para a vacinação desse público.

“A vacina foi vinculada à erradicação do câncer de colo do útero e por isso no início era destinado às meninas e depois expandida para os meninos. Por ser um público adolescente a imunização depende de negociação com o adolescente, explica Ayla. Teve também a questão  cultural porque os pais precisam conversar com os filhos e por ser essa vacina pensada para ser aplicada antes do início da atividade sexual os pais têm dificuldade de falar sobre esse tema”, diz.

A vacinação contra o HPV em adolescentes é utilizada por mais de 100 países. Vários deles já possuem estudos de impacto dessa estratégia com resultados positivos na prevenção e redução das doenças ocasionadas pelo vírus.

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM