Esporte

Flu-PI constrói boa vitória e 4 de Julho apenas empata na rodada de estreia da Série D

Vaqueiro Belchior derrota Juventude Samas fora de casa; Gavião Colorado sai atrás no placar, mas deixa tudo igual em Piripiri

Publicado por: Eric Souza 18/04/2022, 11:28

Matéria de Eric Souza e Eduardo Costa

Juventude-MA 2 x 4 Fluminense-PI

O Fluminense-PI não começou a primeira partida de sua história na Quarta Divisão, neste domingo (17), de forma ideal: logo no minuto inaugural, Júnior Saudade abriu o placar para o Juventude-MA, no estádio Pinheirão, em São Mateus do Maranhão.

Foto: Neyla Monteiro/Fluminense E.C.

Atrás no marcador, o Vaqueiro Belchior tratou de assumir as rédeas do confronto, buscando o gol de empate com o volante Pio, em bela cobrança de falta, e a virada, na sequência, com o meia Mazinho, aproveitando rebote na grande área.

Na volta do intervalo, um cruzamento de Tarcísio encontrou o atacante Waldir, que entrou no lugar do veterano Eduardo e anotou o terceiro do Flu-PI. O Peixe Poraquê, clube da casa, recorreu outra vez a Júnior Saudade para diminuir a desvantagem.

A vitória, contudo, ficou com o Tricolor, que fechou o resultado com o lateral-esquerdo Júnior Prego após uma bela finalização na entrada da área.

O próximo compromisso do Flu-PI pela Série D ocorrerá diante do Tocantinópolis-TO, no próximo domingo (24), às 16h, no Lindolfo Monteiro, em Teresina. Antes, o Vaqueiro viaja ao litoral do Piauí para enfrentar o Parnahyba, na partida de ida da final do Estadual, na quinta-feira (21), às 16h.

4 de Julho 1 x 1 Pacajus-CE

O 4 de Julho estreou com empate por 1 a 1 na Série D do Brasileirão contra o Pacajus-CE na Arena Ytacoatiara, em Piripiri, também no domingo.

Já na primeira chegada do Pacajus, aos 11 minutos do primeiro tempo, o goleiro Jailson foi driblado e cometeu pênalti ao puxar o adversário. Daniel Passira foi pra bola e fez 1 a 0 para os visitantes.

Foto: Silvio Vieira/4 de Julho E.C.

O Colorado tentava criar, mas esbarrava na limitação técnica e pecava no último passe. A torcida, já sem paciência desde a eliminação nas semifinais do Campeonato Piauiense, cobrava uma postura mais agressiva da equipe. Mesmo assim, o Gavião criou oportunidades com Ítalo Pica-Pau pelo lado esquerdo e também nas bolas paradas.

A pressão continuou e deu resultado. Na sobra do escanteio, João Pedro acertou um chutaço e Max Carrasco salvou em cima da linha com a mão. O árbitro marcou pênalti e expulsou o camisa 8 do time cearense. Mauro foi para a cobrança e empatou o jogo: goleiro de um lado, bola do outro! 1 a 1.

Mesmo com um jogador a mais durante todo o segundo tempo, o 4 de Julho não conseguiu virar o placar. As tentativas da equipe não se converteram em gols.

O time de Piripiri passa por reformulação e contou somente com cinco atletas no banco de reservas. Alguns jogadores, como Rincon e Zé Flores, já deixaram o clube e outros não foram relacionados por decisão da diretoria. Reforços são esperados para os próximos dias para a sequência da Série D. A próxima partida do 4 de Julho será contra o Moto Club-MA, no próximo domingo (24), em São Luís.

Matéria relacionada:

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM