Geral

Dr. Pessoa confirma possibilidade de reajustar a previdência municipal devido ao rombo financeiro

Prefeito destaca que negocia medidas com sindicato e servidores

Publicado por: Wanderson Camêlo 12/10/2021, 10:14

O prefeito de Teresina, Dr. Pessoa (MDB), confirmou que há a possibilidade de promover um reajuste do Instituto de Previdência do Município (IPMT). Levantamento feito pela pasta, no mês passado, identificou a existência de um déficit de aproximadamente R$ 5,8 milhões.

Gestor deseja ajustar as contas da previdência municipal (Foto: Wanderson Camêlo/Teresina FM)

“Estamos conversando, tanto com o sindicato, como com os servidores. Não posso dizer é em que passo está e qual a porcentagem [do possível reajuste] porque ainda são conversas iniciais”, explicou o gestor.

Em entrevista ao JT1 da Teresina FM, concedida nesta quinta-feira (7), o presidente do IPMT, Kennedy Glauber, afirmou que a maior parte da dívida é consequência da má administração da gestão anterior, que teria interrompido o pagamento integral da contribuição patronal, própria da Prefeitura, desde outubro de 2019. No período, o IPMT deixou de receber a quantia de R$ 152 milhões, segundo o executivo municipal.

Plano de Saúde Especial 

Há um déficit também com relação ao Plano de Saúde Especial dos Servidores (Plante). Enquanto a arrecadação por pessoa gira em torno de R$ 70,00 e R$ 75,00, os valores investidos pelo instituto custam em média R$ 140,00, o dobro das quantias recebidas. Por essa razão, Glauber reforçou a necessidade de um reajuste no plano de saúde dos servidores. O último aconteceu há três anos.

Matéria relacionada:

IPMT garante que aposentados e pensionistas não serão afetados pelo déficit previdenciário

 

Leia também

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM