Banner de Aniversário

Geral

Estiagem: Governo federal reconhece situação de emergência em Paulistana

A portaria foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (3)

Publicado por: Wanderson Camêlo 04/02/2022, 08:42

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) reconheceu a situação de emergência, por conta da estiagem, em mais uma cidade piauiense. O Município de Paulistana, a 467 km de Teresina, foi a última do estado com solicitação aceita.

Trecho localizado na região de Paulistana, povoado Tigre (Foto: Reprodução/Cidades na Net)

A portaria informando o reconhecimento foi publicada nesta quinta-feira no Diário Oficial da União. Também entraram em situação de emergência Santa Catarina, estado da Região Sul com o maior número de reconhecimentos.

As cidades de Cunhataí, Descanso, Jardinópolis, Maravilha, Monte Carlo, Nova Itaberaba, Planalto Alegre, Riqueza, Santa Terezinha do Progresso e São Miguel da Boa Vista estão na lista.

Em seguida, vem o Paraná, com mais nove cidades em situação de emergência: Barracão, Cruzeiro do Iguaçu, Manoel Ribas, Marquinho, Pranchita, Querência do Norte, Roncador, São José do Triunfo e Umuarama. Já no Rio Grande do Sul, mais seis municípios receberam o reconhecimento federal nesta quinta-feira: Almirante Tamandaré do Sul, Áurea, Campo Novo, Caxias do Sul, Santa Cruz do Sul e São José do Inhacorá.

Outros reconhecimentos

As cidades de Campo Formoso e Monte Santo, na Bahia; Salitre, no Ceará, e Almirante Afonso, no Rio Grande do Norte, também enfrentam a estiagem e obtiveram o reconhecimento federal nesta quinta-feira.

Ainda no Rio Grande do Norte, o município de Rafael Godeiro recebeu o reconhecimento federal em decorrência da seca, que é uma ausência de chuvas mais longa do que a estiagem.

No dia 24 do mês passado, 35 cidades do Piauí afetadas pela estiagem tiveram situação de emergência reconhecida, dentre elas Acauã, Alagoinha, Alegrete do Piauí e Avelino Lopes.

Os municípios atingidos por desastres podem solicitar recursos do MDR para atendimento à população afetada. As ações envolvem restabelecimento de serviços essenciais e reconstrução de equipamentos de infraestrutura danificados.

Matéria relacionada:

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM