Banner de Aniversário

Saúde

Servidores do Samu Teresina voltam a denunciar situação de ambulâncias disponíveis

É a quarta denúncia consecutiva enviada à reportagem da Teresina FM sobre problemas registrados no serviço

Publicado por: FM No Tempo 10/10/2022, 10:32

Servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Teresina continuam criticando o estado de conservação de ambulâncias destinadas para os serviços.

Técnicos em enfermagem que trabalham no órgão voltaram a procurar a reportagem da Teresina FM para denunciar a situação, que já dura um longo período.

Veículo do ponto de apoio do Hospital Buenos Aires, na zona Norte (Foto: Divulgação/FMS)

Um dos casos mais graves, segundo os denunciantes, é o do veículo disponibilizado para o Hospital Mariano Castelo Branco, no bairro Buenos Aires, na zona Norte da capital.

“Está com defeito há mais de dois meses”, disse um técnico de enfermagem do Samu Teresina, que preferiu não se identificar.

Em nota, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) afirmou que o veículo do ponto de apoio do hospital em questão está “funcionando normalmente”. Confira a manifestação na íntegra:

A ambulância do SAMU que fica no ponto de apoio do Hospital do Buenos Aires está funcionando normalmente. As ambulâncias passam por manutenção diariamente de acordo com a necessidade.

Outras ocorrências

É a quarta denúncia consecutiva enviada à Teresina FM por servidores do Samu. Em 24 de março deste ano, por exemplo, cinco carros e uma motolância reservados para atendimento estavam desativados, também por conta de problemas mecânicos.

Já em 8 de agosto, fotos recebidas pela nossa reportagem mostraram o estado de conservação de outra ambulância. O veículo apresentava defeito no vidro de uma das portas, equipamentos eletrônicos igualmente defeituosos e parte do estofado danificado.

Ambulância do Samu Teresina apresenta condições precárias (Foto: Reprodução/WhatsApp)

Por fim, em 13 de agosto, uma ambulância transportava um paciente do Parque Brasil ao Hospital do Buenos Aires quando apresentou problemas mecânicos e precisou ser substituída.

Nessas ocasiões, a FMS alegou que a manutenção da frota do Samu é de responsabilidade do governo federal. O serviço, por sua vez, chegou a negar a existência dos problemas.

Matérias relacionadas:

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM