Banner de Aniversário

Esporte

Esporte é Notícia #12: Galo Carijó e Vaqueiro Belchior, mascotes de River e Flu-PI, mesclam tradição e atualidade

No Campeonato Piauiense, Altos goleia Parnahyba e 4 de Julho supera Oeirense na volta da torcida à Arena Ytacoatiara

Publicado por: FM No Tempo 20/01/2022, 13:21

O Esporte é Notícia continua com o quadro iniciado na última quinta-feira (13). Durante sete dias, a reportagem da Teresina FM irá trazer dois clubes piauienses, contar as histórias de seus respectivos mascotes e explicar os motivos por trás da adoção desses símbolos. As equipes desta quinta (20) são tradicionais no futebol do Piauí, mas atravessam momentos distintos.

Mascotes dos Clubes – Parte 3

River-PI

De acordo com o jornalista e historiador Severino Filho, o presidente Afrânio Nunes, dirigente mais vitorioso da história do River-PI (11 títulos), era simpatizante do Atlético-MG. Por essa razão, decidiu escolher o Galo Carijó, em alusão ao clube de Minas Gerais, como mascote oficial do Tricolor piauiense.

Galo Carijó, mascote do River-PI (Foto: Jackson Nunes/River A.C.)

Entretanto, continua Severino, há um detalhe que certamente passou despercebido ao saudoso Afrânio: o galo carijó é uma espécie caracterizada pela plumagem preta e branca. Nesse sentido, outros clubes alvinegros Brasil afora também o adotam como mascote.

“O River-PI, então, cujas cores, além do preto e branco, incluem o vermelho, não deveria ser Carijó, mas apenas… Galo. Contudo, o apelido pegou e até hoje é utilizado pela torcida riverina”, explica o jornalista. Aliás, durante algum tempo, o Flamengo-PI, principal adversário do Tricolor, tinha como mascote a Raposa, justamente devido à rivalidade entre as equipes de Teresina.

Fluminense-PI

Já o Fluminense-PI adotou uma estratégia diferente da maioria dos outros clubes do Piauí. Ao invés de um animal, decidiu escolher a figura do nordestino, que representa a força e a coragem da população dessa região.

Vaqueiro Belchior, mascote do Fluminense-PI (Foto: Neyla Monteiro/Fluminense E.C.)

O Vaqueiro Belchior, cujo nome homenageia um dos fundadores da equipe, Belchior da Silva Barros, tem como suas principais características a valentia, a obstinação e o vigor.

“Não importa se faça chuva ou faça sol, ele sempre está desbravando e correndo atrás dos seus objetivos, do mesmo jeito que o elenco do Fluminense-PI”, compara João Vicente Claudino, presidente de honra do Tricolor.

Piauiense 2022

Altos 3×0 Parnahyba

A segunda rodada do Campeonato Piauiense contou com mais duas partidas nesta quarta-feira (19). No Lindolfo Monteiro, em Teresina, o atual campeão Altos derrotou o Parnahyba pelo placar elástico de 3 a 0. Foi um duelo de amplo domínio do Jacaré, enquanto o Tubarão se mostrou apático, sem construir boas jogadas.

Betinho marca duas vezes e é destaque de vitória do Jacaré (Foto: Luis Junior/A.A. Altos)

O marcador foi aberto pelo artilheiro Betinho, aos 21 minutos do primeiro tempo, que resvalou a bola com a cabeça, após cobrança de escanteio, para o fundo das redes azulinas. Nove minutos depois, o centroavante teve a chance de ampliar a vantagem, mas chutou em cima do goleiro; Dico pegou o rebote e fez o segundo do Altos.

Aos 30 minutos da etapa complementar, Betinho deixou sua marca novamente de forma oportunista, aproveitando mais um rebote do goleiro depois da cabeçada de Manoel dentro da grande área. A primeira vitória alçou o Alviverde para a vice-liderança, com 4 pontos; já o Azulino se afunda na lanterna diante da segunda derrota consecutiva.

4 de Julho 1×0 Oeirense

Em Piripiri, a torcida do 4 de Julho voltou à Arena Ytacoatiara após dois anos de ausência devido à pandemia da Covid-19. O resultado, apesar de “morno”, foi satisfatório: 1 a 0 em cima do Oeirense, com gol solitário de Wallace.

Equipe de Piripiri consegue primeira vitória diante da torcida (Foto: Silvio Vieira/4 de Julho E.C.)

O centroavante do Gavião recebeu dentro da área, aos 6 minutos do segundo tempo, e bateu no canto esquerdo do goleiro Mondragon, do Cachorro Louco. Desde o início, o 4 de Julho se lançou ao ataque, enquanto a equipe da Capital da Fé apostou na tática defensiva e não ofereceu muito perigo ao mandante.

Com a vitória, o Colorado pula para o 3º lugar com os mesmos quatro pontos do Altos, mas com saldo menor (+1 a +3). Enquanto isso, o Oeirense estaciona na 6ª colocação, ainda sem vencer no campeonato.

Próximos jogos

2ª rodada – 20/01

River-PI x Cori-Sabbá (Lindolfo Monteiro, 20h)

3ª rodada

Oeirense x Flamengo-PI (Gerson Campos, 22/01, 16h)
Parnahyba x 4 de Julho (Pedro Alelaf, 22/01, 17h)
Cori-Sabbá x Fluminense-PI (Tibério Nunes, 23/01, 17h)
River-PI x Altos (Lindolfo Monteiro, 26/01, 20h)

Confira o quadro completo no Jornal da Teresina 1ª Edição desta quinta-feira (20):

Matérias relacionadas:

Contato
  • (86) 99972-0111
  • jornalismo@teresinafm.com.br


Anuncie conosco
  • (86) 98153-2456
  • comercial@teresinafm.com.br
Teresina FM